PARTICIPA! ENVIA AS TUAS DENÚNCIAS PARA porto@pctpmrpp.org
Segunda-feira, 3 de Setembro de 2012

STCP – Eutanásia empresarial

De um motorista da STCP, firme na luta, recebemos, dia 26, a correspondência que agora transcrevemos:

Muitos clientes da STCP se amofinam com o anúncio do fim do tarifário monomodal. Anunciado para Janeiro de 2013, além dos critérios de descontos sociais serem mais restritos, também restringe a mobilidade geográfica para um sem-fim de fronteiras dentro do que era a assinatura rede-geral. Será real a palavra “grande Porto”? Mas alterações de bilhética e políticas de aumentos de receitas (encapuçadas de benefícios comprovados por essa Europa fora) não são os únicos atestados de morte ao serviço publico de transportes… a própria restruturação de rede, feita em 2007, já dá indícios de querer DESCONTINUAR um “produto” sem interesse comercial. E dou-vos 1 ex.

1 estudante do bairro do Cedro entra no 903 ás 8h, depois de muito ziguezague e meia-hora de viagem, já contemplou 16 paragens, mas está a 300 metros de casa!!!! Terá ainda mais outra meia hora até calcar a ponte, e em tempo d’aulas toda gente ouve falar da Via Panorâmica que vem depois… às 9.30 tá na Boavista. Sabendo que com transporte directo, pelo IC1, ou VL8, este percurso demora uns 15 minutos… isto não é produto que se venda!

Acuso de hipocrisia, todos aqueles que me exigem barba tratada, na lógica de bem servir. E a quem passa certificados europeus de qualidade, bardamerda também. Há projetos de autocarros directos de grandes zonas residenciais (como Vila d’Este) que seriam um sucesso! Mas nunca saíram da intenção. Porque, quem dá diretrizes não anda de autocarro! E prefere pagar fortunas a cães, que subtilmente vão acabando com serviços sociais, para que a nata do BOLO se concentre… e reapareçam necessidades básicas como oportunidades de negócio. Qualquer trabalhador tem a seu lado estes agentes subversivos como chefes! Que deveriam retribuir à sociedade a formação académica! Mas fraternidade é algo que o neoliberalismo matou! Ou será que foi má escola???

Publicitam a bicicleta, a partilha de viatura, a volta às terras dos avós, no fundo o ANDANTE ou tapa o buraco financeiro do METRO, ou é o que a gíria chama de “ANDAMENTO”! Mas o mesmo se passa na saúde! Na educação! E na justiça! E ao povo oferecem em Agosto romarias por todo o lado, para este nem querer pensar sequer em inventar patins para uma franja de chulos que tem levado vantagem neste triste país. Hoje cumpri mais uma greve. A adesão vai ser quase nula no seu efeito!...HÁ QUE DESDOBRAR CONTESTAÇÃO.

EDUARDO RIBEIRO motorista 11319

publicado por portopctp às 22:47
link do post | comentar | favorito

.ligações

.posts recentes

. Viva o 1.º de Maio!

. Aos jovens

. Soares da Costa, ousar lu...

. Mulheres: uma metade do m...

. INÉRCIA - Palavra-chave t...

. Honra aos camaradas Ribei...

. 18 de Setembro de 1970

. Prosegur - a luta de clas...

. Casino da Póvoa de Varzim...

. Agrupamento de Escolas de...

. Bairros do IHRU de Guimar...

. STCP – Eutanásia empresar...

. Valadares - épreciso ganh...

. Transportes: resistência ...

. Não ao isolamento de Vila...

. A habitual falta de vergo...

. O desejo que tudo se esqu...

. A greve geral é parte ínt...

. SINDICALIZA-TE

. Carta aberta ao president...

. Casa do Povo de Recarei (...

. A demolição da escola pri...

. A novela das portagens da...

. Contra o pagamento de por...

. Vila d'Este - autarquias ...

. A intransigência habitual...

. Maconde: os restos...

. A intransigência habitual...

. SCUT's: a intransigência ...

. Pequenas coisas, uma gran...

.Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.pesquisar

 

.mais sobre mim

.assuntos

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds